Untitled Document

 


Encerramento do curso da Língua Inglesa e Francesa

O curso destinado a 75 camaradas vindos de diferentes unidades militares do País que teve o início no dia 7 de Novembro de 2018, o ato de encerramento contou com a presença de oficiais, sargentos e praças.˂br˃˂br˃ A ocasião serviu para o Brigadeiro-General Carlos Bampoque agradecer aos instrutores e professores pela força da vontade e desejo que demostraram durante o curso, que não é fácil fazer os alunos aprenderem a língua estrangeira. Mostrou-se muito satisfeito pela forma como foi escolhida a Força Aérea como local para a realização deste referido curso. o Brigadeiro explicou que este curso não vai terminar somente aqui e que vai ter a sua continuidade no Centro Cultural Francês para aqueles que obtiveram aproveitamento da língua durante o curso.˂br˃˂br˃ O diretor do curso, Coronel Watna Na Cia, no seu discurso afirmou que o objetivo geral do curso visa capacitar a camada juvenil com conhecimentos da informática e da língua estrangeira, um sonho que conseguiu ser realidade através da iniciativa do Chefe de Estado Maior General das Forças Armadas, General Biaguê Na Ntan. Foi com base nisso que foi criada a primeira escola no Estado-Maior General e depois criou a Escola da Língua Inglesa e Francesa no sentido de ajudar os jovens a aperfeiçoarem as línguas estrangeiras, que é muito bom, para que os camaradas quando conseguem bolsas de estudo para o exterior, não tenham dificuldades em termos da linguística. Por isso que as Forças Armadas decidiram preparar e capacitar os jovens a fim de ultrapassarem essa situação. Ainda o Coronel recomendou aos recém-formados no sentido de continuarem os estudos.˂br˃˂br˃ A diretora do Centro Cultural Francês, Isabel Deres, na sua intervenção disse que aprender a língua estrangeira, e sobretudo a língua francesa numa região francófona em que a Guiné-Bissau está inserida, é muito importante, por isso que a Embaixada da França decidiu dar apoio às Forças Armadas da Guiné-Bissau através do Centro Cultural Francês de Bissau. A diretora nas suas últimas palavras agradeceu a todos os professores e formandos pelo esforço e dedicação.˂br˃˂br˃ Teia Ndjambi, em representação dos formandos, felicitou todos os que contribuíram para que este curso seja realidade e mostrou-se muito satisfeita pela forma como receberam o certificado do curso da língua Francesa. Pediu ainda o Chefe de Estado Maior General das Forças Armadas, General Biaguê Na Ntan para continuar com este projeto, porque é muito viável para as nossas Forças Armadas, uma vez que estaremos munidos com ferramentas básicas de comunicação com os nossos colegas da sub-região permitindo melhor interação em ações de cooperação e intercambio militar conjunto.˂br˃˂br˃ Soldado jornalista Jamir Otelo da Silva.

 

info@farp.gw
Webmail